Por favor aguarde...


Caso leve mais de 30segundos recarregue a página

A contra transformação estrutural agrária em Moçambique

Autores: João Mosca e Yara Nova

O livro A contra transformação agrária em Moçambique revela que, ao longo de décadas, a evolução do sector agrário não sofreu um processo de transformação estrutural no sentido clássico, não contribuindo igualmente para a reestruturação da economia e da sociedade. Atestam esta conclusão, o facto da maioria dos indicadores do sector agrário e da economia apresentarem evoluções contrárias às que caracterizam a transformação estrutural e o desenvolvimento com crescimento estável de longo prazo, crescentemente mais competitivo no contexto da economia globalizada, equitativo social e espacialmente e ambientalmente sustentável. Essas metas passam por uma agricultura de elevada produtividade e competitividade, modernizada, que elimine a pobreza em consequência da produtividade e do rendimento das famílias cada vez mais exigentes por uma alimentação saudável e em respeito pela sustentabilidade e utilização dos recursos naturais em favor do país e dos cidadãos.

A contra transformação constatada neste trabalho resulta de instituições e políticas públicas incoerentes e instáveis, mercados distorcidos, escassez e utilização ineficiente de recursos para o investimento privado e realização das funções económicas e sociais do Estado, baixa modernização do tecido produtivo, secundarização do sector agrário e dos pequenos produtores que produzem a quase totalidade dos bens alimentares, exploração predadora de recursos naturais, agravamento da incidência e dos efeitos dos choques climáticos, desindustrialização e crescente incapacidade de satisfação das necessidades básicas dos cidadãos.

Julho de 2023

Ano

2023

Outros Livros

Pescas e desenvolvimento em Moçambique

Autor: Nelson Capaina A presente obra tem por objectivo a análise do comportamento dascomunidades rurais na zona costeira e da economia pesqueira emgeral. A recolha

Género,cidadania e desenvolvimento em Moçambique

A presente obra e composta por 10 capítulos, onde os grandes temas em discussão estão em torno das temáticas sobre políticas de género e transformação nas relações de poder; mega projecots e impactos socioeconómicos; desafios e estratégias na posse, uso e segurança da terra;acesso aos recursos, tempos de trabalhos e divisão sexual do trabalho; violência, acesso a justiça e protecção social; estratégias de participação activa da mulher no desenvolvimento socioeconómico e politico, empoderamento das mulheres, movimentos sociais, cidadania e espaços de poder.

Verified by MonsterInsights