Resposta à Covid-19 com contas certas para garantir coerência e transparência na gestão dos fundos públicos

Resposta à Covid-19 com contas certas para garantir coerência e transparência na gestão dos fundos públicos


Descrição

  • 20 Julho 2020

Além do empréstimo do FMI de 309 milhões de dólares, Moçambique está a receber mais apoios dos parceiros de desenvolvimento no âmbito da resposta de emergência à Covid-19, orçada em 700 milhões de dólares. A entrada de avultadas somas de dinheiro num contexto em que o Governo procura recuperar a boa imagem e confiança afectadas pelo escândalo das dívidas ocultas, acresce a necessidade da inclusão da sociedade civil na monitoria da resposta à Covid-19.

É dentro desta lógica que o FMO vai implementar a iniciativa “Resposta à Covid-19 com Contas Certas” que visa ajudar o Governo a lograr que a resposta à pandemia realmente chegue aos mais necessitados, no âmbito da protecção social, e que haja “value for money” no procurement público. Com a iniciativa, o FMO vai avaliar a coerência da intervenção do Governo no âmbito da estratégia de resposta à Covid-19, incluindo a monitoria dos processos de procurement e o rastreio da despesa pública nas províncias e nos distritos.