OR #123 – Efeitos das mudanças climáticas nos sistemas de produção em Moçambique: Implicações para a segurança alimentar

OR #123 – Efeitos das mudanças climáticas nos sistemas de produção em Moçambique: Implicações para a segurança alimentar


Descrição

  • 4 Abril 2022

Moçambique é considerado um dos países mais vulneráveis às mudanças climáticas, devido a sua localização geográfica, mas também devido as condições socioeconómicas da população. O país é considerado um dos países mais pobres do mundo, com elevados índices de insegurança alimentar, concentrada maioritariamente no meio rural, onde grande parte da população tem a agricultura como a sua principal fonte de rendimento e de subsistência. A população rural, em particular os camponeses, são os mais vulneráveis (às mudanças climáticas e insegurança alimentar) e os que serão mais desproporcionalmente afectados pelos impactos das mudanças climáticas. Desta forma, o presente estudo tem como objectivo analisar o impacto das mudanças climáticas na escolha dos sistemas de produção, sua distribuição espacial e implicações para a segurança alimentar, usando para tal uma abordagem de sistemas de produção. Os resultados do estudo sugerem grandes mudanças na escolha dos sistemas de produção e na sua distribuição espacial devido às mudanças climáticas, o que potencialmente impactará os meios de subsistência e a situação de segurança alimentar dos camponeses. Os sistemas de produção com maiores níveis de segurança alimentar têm tendência a ser substituídos por outros sistemas mais vulneráveis em todos os cenários climáticos. Prevê-se que, com as mudanças climáticas, os sistemas mistos agro-pecuários com algum nível de insegurança alimentar e os sistemas orientados para a pecuária predominantes em zonas áridas se expandam para outras áreas actualmente húmidas. Sugere-se ao longo do texto opções de políticas para minimizar os efeitos das mudanças climáticas na segurança alimentar e nos meios de subsistência dos camponeses.