OR #109 – Caracterização e organização social dos Machababos

OR #109 – Caracterização e organização social dos Machababos


Descrição

  • 6 Abril 2021

Caracterização E Organização Social Dos Machababos A Partir Dos Discursos De Mulheres Raptadas

A intensificação do conflito militar no Norte de Cabo Delgado despertou a atenção de jornalistas, investigadores, analistas de segurança e diplomatas. O facto de os rebeldes armados não darem entrevistas a jornalistas e investigadores resulta num grande desconhecimento sobre as suas dinâmicas internas nas zonas ocupadas, pelo que o mundo dos insurgentes constitui um território repleto de mistérios. Por outro lado, o rapto de centenas de jovens mulheres gera interrogações em torno do respectivo paradeiro, originando inquietação social. O pouco conhecimento existente acerca das formas de organização interna dos insurgentes resulta de testemunhos oculares de quem privou com o grupo, nomeadamente desertores ou mulheres que estiveram em cativeiro.

A partir de 23 entrevistas a mulheres vítimas de agressão ou sequestro por grupos insurgentes foi possível concluir que os membros do grupo têm origens e percursos sociogeográficos heterogéneos, sendo a maioria oriunda do litoral Norte de Cabo Delgado, com registos de indivíduos provenientes do planalto de Mueda, do litoral de Nampula, assim como um crescente número de estrangeiros, provenientes da costa oriental africana e de países árabes. Os insurgentes dispõem de diferentes bases, instaladas em aldeias abandonadas por civis ou nas matas.