FMO e FMI discutem na próxima semana transparência na gestão dos 309 milhões de dólares para a COVID-19

FMO e FMI discutem na próxima semana transparência na gestão dos 309 milhões de dólares para a COVID-19


Descrição

  • 1 Maio 2020

A Comissão Executiva do FMI aprovou, no dia 24 de Abril último, um empréstimo de 309 milhões de dólares no âmbito da Facilidade Rápida de Crédito para ajudar Moçambique a suprir as necessidades urgentes da balança de pagamentos e fiscais decorrentes da pandemia da COVID-19.

Antes da aprovação do crédito de 309 milhões de dólares, o Fórum de Monitoria do Orçamento (FMO) escreveu uma carta para a Comissão Executiva do Fundo Monetário Internacional (FMI) na qual reforçava a necessidade de um apoio financeiro para que Moçambique garanta a protecção social e aprimore a capacidade do sector da Saúde de lidar com a pandemia da COVID-19.