DR #131 – Percepções acerca dos sentimentos dos cidadãos do Centro em relação ao Sul do País

DR #131 – Percepções acerca dos sentimentos dos cidadãos do Centro em relação ao Sul do País


Descrição

  • 10 Agosto 2021

Este texto é parte de uma pesquisa com o título “Poder, economia e conflito na zona Centro de Moçambique”, que, no seu conjunto, procura compreender quais as razões históricas, políticas e económicas, que justificam que o Centro do país tem sido o berço e epicentro das situações de conflitos armados entre o Governo e a Renamo. Em consequência dos resultados, conclusões e sugestões aqui apresentados resultarem de uma parte dos instrumentos utilizados, elas são preliminares, mas coincidentes com as obtidas nas outras componentes da pesquisa.

Esta parte da pesquisa teve como método o das entrevistas, onde se procurou perceber acerca das percepções acerca dos temas/hipóteses do trabalho. As entrevistas abrangeram pessoas naturais, ou que tenham residência ou trabalhem na zona Centro.

Em resumo, as entrevistas revelam claramente a existência de sentimentos negativos do Centro (possivelmente localizadas na cidade da Beira) em relação ao Sul (sobretudo em relação a Maputo, sem diferenciar entre cidade e província), fundamentados em desigualdades de desenvolvimento e de realização de investimentos/projectos, de concentração do poder na Frelimo e do centro de decisão em Maputo (governo central), de marginalização política com base na pertença a partidos políticos e por razões de injustiça no reconhecimento dos povos do Centro e das suas figuras mais destacadas, na resistência à colonização e participação na luta de libertação nacional.