Carta aberta ao Senhor Governador do Banco de Moçambique

Carta aberta ao Senhor Governador do Banco de Moçambique


Descrição

  • 21 Agosto 2019

As organizações da Sociedade Civil, Centro para a Democracia e Desenvolvimento (CDD), o Centro de Integridade Pública (CIP), Centro de Aprendizagem e Capacitação da Sociedade Civil (CESC), o Fórum de Monitoria do Orçamento (FMO), o Instituto de Estudos Económicos e Sociais (IESE) e o Observatório do Meio Rural (OMR), solicitaram, através de uma carta dirigida ao governador do Banco de Moçambique, a participação em todos os debates, a todos os níveis, em reuniões, encontros ou discussões que incluam na agenda de trabalhos a questão da criação de um Fundo Soberano e que tenham lugar a partir deste momento.

A opção de se publicar esta carta aberta, resulta de não se ter obtido uma resposta e as expectativas disso acontecer serem diminutas. Além disso, não parece oportuna uma terceira insistência face à vossa resposta lacónica expressa na carta de 3 de Junho de 2019.