Movimentos Migratórios e Relações Rural-Urbanas: Estudo de Caso em Moçambique

Movimentos Migratórios e Relações Rural-Urbanas: Estudo de Caso em Moçambique


Descrição

  • 26 Outubro 2017

Na presente obra pretendem-se relacionar as políticas públicas e os modelos de desenvolvimento com as migrações internas em Moçambique. A partir da análise das condições socio-económicas existentes no campo, procura-se compreender o papel da migração (rural-urbana ou entre espaços rurais), como uma reacção a assimetrias socio-geográficas e como uma estratégia de sobrevivência e de reprodução social. Na obra pretende-se analisar o impacto dos movimentos migratórios sobre o crescimento urbano acelerado, sobre o desemprego e informalização da economia, assim como sobre a saturação das infraestruturas urbanas. Finalmente, pretendem-se analisar fenómenos de deslocações forçadas, quer em resultado de projectos de socialização do campo, quer em virtude da implementação de grandes projectos económicos, em contexto neoliberal.

Contando com a participação de cinco investigadores do Observatório do Meio Rural, neste livro pretenderam-se reunir experiências de pesquisa de diferentes áreas disciplinares, nomeadamente da economia, gestão, administração pública, história, antropologia, sociologia, psicologia social e da arquitectura.