Persistente falta de liquidez é o marco da execução do orçamento do estado até Setembro de 2018