João Feijó

Investigador

Doutor em Estudos Africanos pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa em 2014.
Áreas actuais de investigação: pobreza, desigualdades e conflitos.


Experiência Profissional

2013 até agora

Investigador convidado do Observatório do Meio Rural.

2009-2012

Investigador no Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho.

2008-2012

Investigador no Centro de Estudos Africanos do ISCTE.

1998-2008

Gestor de formação, consultor e formador em diversas áreas socio-comportamentais e da gestão, entre as quais a gestão de recursos humanos, liderança e motivação, clima organizacional, avaliação de desempenho e formação pedagógica de formadores em países como Portugal, Moçambique, Holanda e Finlândia.

Ministrou a disciplina de Gestão de Recursos Humanos, integrada nos Mestrado em Gestão de Empresas e em Governação e Administração Pública, na Faculdade de Economia da Universidade Eduardo Mondlane em Maputo.

Ministrou a disciplina de História das Ideias e do Pensamento Contemporâneo, integrada na licenciatura em Ciências Jurídicas na Universidade Politécnica.

Director Científico, coordenador da licenciatura em Gestão de Recursos Humanos e regente das disciplinas de Introdução às ciências Sociais e de Sociologia do Trabalho no Instituto Superior Monitor em Maputo.

Investigador da Unidade de Diagnóstico Social do Centro de Estudos Africanos da Universidade Eduardo Mondlane.

Projectos de Investigação em que participou (últimos 3 anos)

Agricultores Emergentes no corredor da Beira

Coordenador do projecto no Observatório do Meio Rural (2018)

Pobreza e desenvolvimento no meio rural – estudos de caso nos distritos de Chongoene, Zavala, Marara, Angónia, Monapo e Nacarôa

Coordenador do projecto no Observatório do Meio Rural (2017-2018)

Êxodo rural e ligações com o campo - uma análise de populações de origem camponesas residentes nas cidades de Maputo, Tete e de Quelimane

Coordenador do projecto no Observatório do Meio Rural (2015-2016)

Publicações (últimos 3 anos)

Livros

Feijó, J. e Raimundo, I. (Org.) (2018). Movimentos migratórios para áreas de concentração de grandes projectos. Maputo: Publifix.

Feijó, J. (Org.) (2017). Movimentos migratórios e relações rural-urbanas – estudos de caso em Moçambique. Maputo: Escolar Editora.

Feijó, J. (Org.) (2017). Metodologias de Investigação em Ciências Sociais. Maputo: Escolar Editora.

Feijó, J. (2016). Moçambique – 10 anos em reflexão. Maputo: Justiça Ambiental.

Feijó, J. (no prelo). Orientações Culturais e Recursos de Poder – Uma Análise de Relações Laborais em Maputo. Maputo: Alcance Editora.

Feijó, J. (2012). Do Passado Colonial à Independência – Discursos do Semanário Savana nas Celebrações das Datas Históricas de Moçambique. Maputo: Alcance Editora.

Capítulos de Livros

Feijó, João (2018) “Investimentos económicos, assimetrias socio-espaciais e movimentos migratórios” in Feijó, J. e Raimundo, I. (Org.) Movimentos migratórios para áreas de concentração de grandes projectos. Maputo: Publifix, pp. 17-61.

Feijó, João (2018) “Dinâmicas de relacionamento com os contextos rurais de origem” in Feijó, J. e Raimundo, I. (Org.) Movimentos migratórios para áreas de concentração de grandes projectos. Maputo: Publifix, pp. 85-111.

Feijó, João (2018) “Havemos de voltar? Representações do mundo rural e expectativas de regresso ao campo” in Feijó, J. e Raimundo, I. (Org.) Movimentos migratórios para áreas de concentração de grandes projectos. Maputo: Publifix, pp. 113-141.

Feijó, João (2017) “Mudam-se os tempos, mudam-se os modos de pensar? (Des)continuidades nas reflexões sobre o trabalho em Moçambique” in Rosimina Ali, Carlos Nuno Castel-Branco e Carlos Muianga (Org.) Emprego e Transformação Económica e Social em Moçambique. Maputo: Instituto de Estudos Sociais e Económicos, pp. 313-339.

Feijó, João (2017) “Reflexões sobre uma prática de gestão brodista numa economia de relações sociais” in Rosimina Ali, Carlos Nuno Castel-Branco e Carlos Muianga (Org.) Emprego e Transformação Económica e Social em Moçambique. Maputo: Instituto de Estudos Sociais e Económicos, pp. 340-356.

Feijó, João (2017) “Ruralização das cidades ou urbanização do campo? Reflexão introdutória sobre os movimentos rural-urbanos” in João Feijó (Org.) Movimentos migratórios e relações rural-urbano – estudos de caso em Moçambique. Maputo: Alcance Editores, pp. 12-18.

Feijó, João (2017) “O efeito hipnótico da capital – factores de êxodo rural e de atracção de Maputo” in João Feijó (Org.) Movimentos migratórios e relações rural-urbano – estudos de caso em Moçambique. Maputo: Alcance Editores, pp. 136-185.

Feijó, João (2017) “Instigando (re)acções em grupo – reflexões metodológicas em torno da realização de grupos focais” in Feijó, João (org) Metodologias de Investigação em Ciências Sociais: experiências de pesquisa em contextos moçambicanos. Maputo: Escolar Editora. Pp, 85-109.

Feijó, João e Mandamule, Uacitissa (2017) “A recolha de dados por entrevista – procedimentos, potencialidades e limitações” in Feijó, João (org) (no prelo) Metodologias de Investigação em Ciências Sociais: experiências de pesquisa em contextos moçambicanos. Maputo: Escolar Editora. Pp. 61-84.

Feijó, João e Mosca, João (2017) “Da produção socio-política de conhecimento às dinâmicas metodológicas” in Feijó, João (org) Metodologias de Investigação em Ciências Sociais: experiências de pesquisa em contextos moçambicanos. Maputo: Escolar Editora, pp. 11-20.

Feijó, João e Ibraimo, Momade (2016) “Relações rural-urbano, transferências pessoais e políticas públicas – uma análise a partir de populações residentes na cidade de Maputo” in António Francisco, Carlos Castel Branco, Sérgio Chichava, Salvador Forquilha e Luís de Brito (Org.) Desafios para Moçambique 2016. Maputo: Instituto de Estudos Sociais e Económicos, pp. 215-239. Feijó, João.

Feijó, João (2016). “(Re)inventando o inimigo do povo – a importância da realidade oculta no pensamento ideológico” in Carlos Serra (Org). O que é ideologia?. Maputo: Escolar Editora.

Feijó, J. e Agy, A. (2015). “Processos migratórios, trabalho agrícola e integração nos mercados – Efeitos da implementação de grandes projectos sobre comunidades camponesas” in António Francisco, Salvador Forquilha, Luís de Brito, Carlos Castel-Branco e Sérgio Chichava (Org.) Desafios para Moçambique 2015. Maputo: Instituto de Estudos Sociais e Económicos, pp. 273-309.

Feijó, J. & Agy A. (no prelo). Dinâmicas da Economia Camponesa em Zonas de Implementação de Grandes Projectos. Em Mosca, J. (Ed.) Sector Familiar e Desenvolvimento em Moçambique. Maputo: Observatório o Meio Rural.

Feijó, J. (2012). Perspectivas Moçambicanas sobre a Presença Chinesa em Moçambique: Uma Análise Comparativa de Discursos de Entidades Governamentais, de um Blog e de Trabalhadores Moçambicanos em Maputo. Em Chichava, S. & Allen, C. (Eds.) A Mamba e o Dragão – Relações Moçambique-China em Perspectiva. Maputo: IESE, pp. 143-188.

Feijó, J. (2011). Biscates, Manobras e Boladas – Estratégias de Compensação Salarial de Trabalhadores Moçambicanos em Maputo. Em Maneschy, C. (Ed.) Nos Dois Lados do Atlântico – trabalhadores, organizações e sociabilidades. Belém: Editora Paka Tatu.

Feijó, J. (2010). Relações Sino-moçambicanas em Contexto Organizacional – Um Estudo de Empresas em Maputo. Em Serra, C. (Ed.), A Construção Social do Outro – Perspectivas Cruzadas sobre Estrangeiro e Moçambicanos. Maputo: Centro de Estudos Africanos da Universidade Eduardo Mondlane, pp. 245-316.

Revistas

Cabecinhas, R. & Feijó, J. (2013). Representações Sociais do Processo Colonial – Perspectivas Cruzadas entre Estudantes Moçambicanos e Portugueses. Configurações 12, 117-139.

Feijó, J. (2011). ’Eles fingem que nos pagam, nós fingimos que trabalhamos’ – Resistência e Adaptação de Trabalhadores Moçambicanos em Maputo. Estudos Moçambicanos 22, 122-138.

Feijó, J. (2011). Discursos Jornalísticos sobre a Independência de Moçambique. Cadernos de Estudos Africanos 20, 55-83.

Cabecinhas, R. & Feijó, J. (2010). Collective Memories of Portuguese Colonial Action in Africa: Representations of the Colonial Past among Mozambicans and Portuguese Youths. International Journal of Conflict and Violence 4 (1), 28-44.

Feijó, J. (2010). Relations with People and Relations with Things – Management of Human Resources in African Companies. Werkwinkel Journal of Low Countries and South African Studies 5 (1), 73-90.

Feijó, J. (2009). Sociologia de Cobras e Latão: Reflexões sobre a Produção de Conhecimento das Sociedades Africanas. Revista Travessias 9, 209-226.

Documentos de Trabalho

Feijó, João (2016) “Investimentos, assimetrias e movimentos de protesto na província de Tete” in Observador Rural, nº 44. Maputo: Observatório do Meio Rural, pp. 1-31, disponível em: http://omrmz.org/omrweb/publicacoes/or-44-investimentos-assimetrias-e-movimentos-de-protesto-na-provincia-de-tete/

Feijó, João; Agy, Aleia; e Momade, Ibraimo (2016) “Motivações migratórias rural-urbano e perspectivas de regresso – uma análise do desenvolvimento rural em Moçambique a partir de Maputo” in Observador Rural, nº 43. Maputo: Observatório o Meio Rural, pp. 1-32, disponível em: http://omrmz.org/omrweb/publicacoes/or-43-motivacoes-migratorias-rural-urbanas-e-perspectivas-de-regresso-ao-campo/

Feijó, João e Agy Aleia (2015). “Do modo de vida camponês à pluriactividade: impacto do assalariamento urbano na economia familiar rural” in Observador Rural, nº 30. Maputo: Observatório o Meio Rural, pp. 1-36, disponível em http://omrmz.org/omrweb/publicacoes/observador-rural-30/